Conferência das Organizações Nacionais das Colónias Portuguesas (1961)

Numa reunião ocorrida em Casablanca 18 e 19 de Abril de 1961 surge uma Conferência das Organizações Nacionais das Colónias Portuguesas. Reúne o MPLA, a União Nacional dos Trabalhadores de Angola, o Partido do Congresso de Goa, o Comité de Libertação de S. Tomé e Príncipe, o PAIGC e a União Democrática Nacional de Moçambique. Tem como base um anterior Movimento Anti-Colonialista, criado em 1957, a que se seguiu, em 1959 um Comité de Libertação dos Territórios Africanos dob Domínio Português e em em Março de 1960, uma Frente Revolucionária Africana para a Independência Nacional das Colónias Portuguesas. Se a FRAINCP ainda defende a não violência e a desobediência civil, já a CONCP clama pela conquista imediata da independência nacional e a liquidação total do colonialismo português.